Precisa de ajuda?
Faça aqui a sua pesquisa
Coronavírus: Diocese do Algarve suspende atividades com crianças em Portimão
10.03.2020
Devido ao aparecimento de dois casos positivos de coronavírus na cidade de Portimão, que levou ao encerramento de escolas da área, a diocese do Algarve emitiu uma nota de imprensa onde indica que estão suspensas «as catequeses e as atividades dos agrupamentos do Corpo Nacional de Escutas (CNE) nas paróquias da cidade de Portimão (Matriz e Amparo, Pedra Mourinha) e em Alvor» e que «os dias da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (ERMC), que estavam previstos acontecer no Parque de Marim (Olhão) nos dias 24 (1º Ciclo) e dia 25 (2º e 3º ciclos) também foram cancelados».

 
As indicações poderão não ficar por aqui, já que, indica a nota, «há outras paróquias que estão a equacionar que medidas deverão tomar».
 
Ao contrário do que foi decidido na diocese do Porto, as missas continuam a decorrer dentro da normalidade, segundo foi confirmado à Família Cristã pelo gabinete de comunicação da diocese do Algarve, embora estejam a acompanhar a evolução da situação e não se ponha de parte essa possibilidade, «se a situação se justificar».
 
A intenção da diocese, refere a nota, é garantir que se evita a propagação do vírus, em consonância com as indicações das «autoridades de saúde». «Desta forma, a Igreja diocesana, que acompanha atentamente esta questão, estará sempre disponível para agir em consonância com o que for definido pelas Autoridades de Saúde, assumindo todas as decisões que sejam consideradas oportunas, no sentido de conter e combater a propagação da infeção causada por este vírus», pode ler-se na nota enviada à Família Cristã.
 
O número de casos em Portugal subiu para 41, segundo o último balanço enviado pela Direção Geral de Saúde. Há ainda 375 casos suspeitos, dos quais 83 aguardam resultados laboratoriais.
 
Face ao aumento de casos, o Governo aprovou um plano de contingência e ordenou a suspensão temporária de visitas em hospitais, lares e estabelecimentos prisionais na região Norte.

 
Texto: Ricardo Perna
Foto: CDC
Continuar a ler