Precisa de ajuda?
Faça aqui a sua pesquisa
Vida Cristã
Nossa Senhora Aparecida, Mãe de todos os discípulos e missionários
11.10.2017
Assim como Portugal, o Brasil também celebra neste ano um centenário mariano: os 300 anos de Aparecida. Outubro é o mês em que se comemora a Rainha e Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, mãe de todos os «discípulos e missionários», para recordar o tema da V Conferência Geral do Episcopado da América Latina e do Caribe (CELAM), realizada no próprio santuário de Aparecida, no ano de 2007.

Foto: Santuário de Nossa Senhora da AparecidaSer discípulo significa reconhecer que sem Cristo não há luz, não existe esperança, amor ou futuro. Que só em Cristo somos felizes e realizados. Só em Cristo a nossa vida encontra o seu sentido profundo. E uma vez que encontramos Cristo, que descobrimos o verdadeiro tesouro da vida, não podemos deixar de o anunciar. Discipulado e missão são por isso inseparáveis, são os dois lados da mesma moeda. Uma vez tocados por Cristo, apaixonados por Ele, não podemos ficar calados, não podemos deixar de O proclamar ao mundo, de inundar o mundo com a presença deste Evangelho que gera vida e alegria.

Maria, como verdadeira mãe, é quem nos ajuda neste percurso. Nela encontramos carinho, acolhimento, afeto. Nela nos inspiramos e nos fortalecemos para melhor nos relacionarmos com Cristo, para melhor aprendermos o que Ele nos tem a ensinar. No Brasil, país de muitas dores e sofrimentos, cheio de desigualdades e corrupção, de pobreza e incertezas, Nossa Senhora Aparecida surge como uma fonte de esperança e de alegria.

Maria é a «Mãe do céu morena», como entoa um cântico muito popular. Primeiro porque a imagem encontrada pelos pescadores no rio Paraíba, no interior de São Paulo, no ano 1717, é uma imagem de terracota, “morena”. Aparecida é, na verdade, uma imagem de Nossa Senhora da Conceição, devoção muito especial em Portugal e que foi levada desde cedo para o Brasil. Recebeu o nome de Aparecida exatamente por ter “aparecido” num rio, a simples pescadores. Não é uma visão como a de Fátima, com uma mensagem específica. No entanto é uma “aparição” da imagem, que trouxe inúmeros sinais e milagres que fizeram com que a devoção se espalhasse, primeiramente pelo Estado de São Paulo, depois por todo o Brasil e hoje pelo mundo.

Em 1929, Nossa Senhora Aparecida foi proclamada Rainha do Brasil; e, em 1931, foi solenemente proclamada Rainha e Padroeira do Brasil. A tradição de romarias à Basílica de Aparecida, porém, iniciou muito tempo antes. O próprio D. Pedro I, então regente do Brasil, foi visitar a capela e conhecer a imagem milagrosa no dia 20 de abril de 1822. Em 8 de setembro de 1904, foi a vez da Princesa Isabel (que decretou o fim da escravatura no Brasil) visitar a Mãe Aparecida. A atual coroa e o manto azul-marinho que cobrem a imagem negra de Aparecida foram doação da princesa Isabel, devota da Virgem.

Foto: Santuário de Nossa Senhora da Aparecida
É difícil separar a história de Nossa Senhora da Conceição Aparecida (nome oficial) da própria história do povo brasileiro, por isso ela é tão querida por todos os católicos. Aparecida é a mãe do Brasil. É a mãe desta enorme família. E como é na família que «nasce, cresce e amadurece o discípulo», é sob o manto de Nossa Senhora Aparecida que o discípulo e missionário brasileiro nasce, cresce e amadurece. Não é por acaso que o dia da criança no Brasil é celebrado em 12 de outubro, feriado nacional, festa litúrgica de Nossa Senhora de Aparecida. Também não é por acaso que o Papa Francisco, em 2013, mudou o percurso da sua visita ao Rio de Janeiro. Como bom filho, foi saudar a «Mãe morena» e consagrar-lhe uma vez mais a nova missão que então iniciava.

Ao sair da Basílica de Aparecida e ver a multidão que o saudava, o Papa Francisco proferiu estas palavras: «Com todo o meu coração, peço à Virgem Nossa Senhora Aparecida que lhes abençoe, abençoe suas famílias, abençoe seus filhos, abençoe seus pais, abençoe a Pátria inteira. Faço-lhes uma pergunta: Uma mãe esquece-se de seus filhos? [Não…] Ela não se esquece de nós, Ela ama-nos e cuida de nós. Agora vamos pedir-lhe a Bênção. A Bênção de Deus Todo-Poderoso Pai, Filho e Espírito Santo desça sobre vocês e permaneça para sempre. Quero pedir-lhes um favor, um jeitinho… Rezem por mim; rezem por mim, preciso! Que Deus vos abençoe. Que Nossa Senhora Aparecida vos proteja.» É esta mesma bênção que cada um de nós deve pedir à Nossa Senhora Aparecida, especialmente neste ano jubilar, a fim de que realizemos cada vez melhor a missão de testemunhar Cristo no mundo.
 
Ir. Darlei Zanon
 
Continuar a ler