Precisa de ajuda?
Faça aqui a sua pesquisa
O amor nunca acabará
04.09.2018
Vivemos numa época do descartável, do usar e deitar fora ou da "pastilha elástica", como dizem algumas pessoas. Há não muitos anos, comprávamos um eletroméstico, telemóvel, etc e eles durava quase uma vida inteira. Hoje em dia, isso não acontece. Muitas vezes, parecem fabricados para durar apenas o tempo da garantia. É a chamada obsolescência programada.

Isto tem efeitos nas mentalidades e nas relações. Já nada é para toda a vida, ouvimos dizer. Ninguém trabalha na mesma empresa toda a vida. Outros não namoram, vão estando, uma noite com uma pessoa diferente. E cada vez mais não acreditam que haja amor para a vida toda.

Mas o verdadeiro amor não acabará, nunca. Acredito nisso e, felizmente, vejo isso a acontecer à minha volta. Casais que se amam pela vida fora, suportando as dificuldades e as dores, partilhando as alegrias. Que bom é ver casais de velhinhos de mãos dadas, olhares e piadas cúmplices. Nada é mais forte do que o amor, mesmo que os problemas, por vezes, pareçam gigantescos e impossíveis de ultrapassar. O amor não tem obsolescência programada. Ele dura para sempre, mesmo quando chega a hora da separação com a morte. Sim, o amor nunca acabará.